quinta-feira, outubro 13, 2011

Passos Coelho ensina população a poupar água

Passos Coelho, o actual primeiro ministro português e o mesmo que não ofereceu prenda às filhas no último natal devido à crise económica, encontrou uma maneira nova de poupar uns tostões lá em casa, disse à Caganita um dos seus assessores de imprensa. O método passa por irem à sanita uns a seguir aos outros e só o último é que puxa o autoclismo.
Em conversa telefónica com o nosso jornalista Johnny Cagalhoto, Passos Coelho disse que o método tem várias vantagens, pois "para além de se poupar água obriga a que a família faça as refeições todas ao mesmo tempo, para que todos tenham vontade de ir à casa de banho mais ou menos à mesma hora, fazendo assim prevalecer também a unidade familiar". E continuou dizendo que lá em casa até já se fazem jogos a ver quem põe primeiro o dedo no ar. O primeiro que o fizer é o primeiro a ir à casa de banho.
Com isto, Passos Coelho calcula que já poupou no último mês cerca de doze euros de água, mas insiste que com a actual política do governo vai poupar muito mais, pois a água vai aumentar bastante.
Quando Johnny Cagalhoto perguntou ao primeiro-ministro se este ano já vai oferecer alguma prenda às suas filhas no Natal, o mesmo respondeu com um sorriso maroto que "só se for um clister, pois esta poupança de água assim o exige".

6 comentários:

HydraFlama disse...

Conversa de "merda" Bagaço!
Mas fora de brincadeiras, houve um governante qualquer europeu que adoptou uma medida semelhante em casa no que se respeitava a urina.

bagaco amarelo disse...

hydraFlama, eu sabia que o nosso primeiro não podia ter esta ideia sozinho. :)

Miss Battle disse...

OMFG! :)

bagaco amarelo disse...

miss battle, é que nós, aqui na redacção d'A Caganita, achamos. :)

Josh Gottam disse...

Ele ainda se pode dar ao luxo de ter água, porque rouba electricidade do vizinho, como é norma de Massamá e arredores ;)

bagaco amarelo disse...

josh gottam, começa a ser um luxo, sim, ter água em casa. :)