terça-feira, abril 19, 2011

Governo promete poupar no combate aos incêndios

O Governo pretende poupar mais de onze milhões de euros este ano, comparativamente com o ano passado, através da redução dos meios de combate aos incêndios florestais. Quem nos trouxe a boa notícia foi o secretário de Estado da Protecção Civil, Vasco Franco, numa conferência de imprensa em que a Caganita esteve presente.
Vasco Franco pediu ainda, em nome do interesse nacional, que todos os incendiários e pirómanos deste país passem a provocar incêndios mais próximos uns dos outros e sempre durante o horário laboral. Assim, para além de poupar nos meios, o Estado poupará também nas horas extraordinárias dos bombeiros.
Já está mesmo em estudo a forma como o país deverá ser queimado. Um estudo encomendado pelo governo prevê que a melhor forma será começar os incêndios pelo distrito de Bragança e, de duas em duas semanas, descer um distrito. Assim, a região algarvia será a última a ser afectada e portanto todos poderão fazer férias em sossego.

Sem comentários: