sábado, abril 23, 2011

BPN compensa funcionários que perderam viatura com fichas para os carrinhos de choque

Numa medida que visa a redução geral de custos, o BPN ordenou a cerca de trezentos funcionários seus ( chefes de delegação, gerentes, alguns directores e ex-administradores da equipa de Oliveira Costa) que entreguem a viatura de serviço. Os sindicatos dos bancários do Norte e Centro entregaram já providências cautelares em tribunal para suspender a ordem de serviço, por considerarem que a instrução viola unilateralmente o contrato individual de trabalho. Mesmo assim, a Caganita sabe que mais de duzentos desses trabalhadores já devolveram a viatura, e que os que não o fizerem serão alvo de processo disciplinar.
Em conversa telefónica com a A Caganita, um dos responsáveis por esta medida disse que, apesar de tudo, o banco está a pensar compensar os trabalhadores que perderam a viatura com fichas para os carrinhos de choque nas principais feiras e romarias Portuguesas. Teófilo Cádima Carreira (ex-administrador do BPN com o pelouro comercial) e António Coutinho Rebelo (antigo administrador do BPN Imofundos) terão mesmo já concordado com a ideia, faltando apenas limar algumas agulhas para que se chegue ao acordo final. Teófilo Cádima Carreira quer fichas para a Feira Popular em Lisboa e António Coutinho Rebelo quer fichas para a Feira de Março em Aveiro.

Sem comentários: