segunda-feira, março 07, 2011

petição contra os Homens da Luta

A Vida Sexual Duma Caganita de Pássaro, cuja redacção é constituída exclusivamente por gente bem (não usamos piercings e em crianças fomos todos escuteiros), e que vem de uma família tradicional portuguesa (não daquelas que só têm pão com manteiga para comer, mas das outras, as que têm um pai médico que não passa recibos no consultório e uma mãe ruiva artificial), lança aqui uma petição contra os Homens da Luta.

A Petição está escrita em papel azul de 25 linhas, daquele que já não é obrigatório mas fica sempre bem chamá-lo assim, e quando virmos os Homens da Luta prometemos atirá-la contra eles. Estamos neste momento a estudar a melhor maneira de fazer a coisa, porque com o vento é muito difícil acertar onde quer que seja. Em princípio teremos que fazer um avião de papel.

3 comentários:

Vitamina C. disse...

Os leitores deste Blog, minoritarimente pertencentes à classe A e A+, validados e sujeitos testes de stress, passados com distinção pela Stanley e Pobres, apoia esta causa.
Comunicamos de antemão que há pessoal disponível para fazer as dobras do avião a recibos verdes, porque os escravos da Stiwell(como não estudei não sei se está bem, escrito), em principio irão revoltar-se, muito embora a mesma defenda que os escravos não se revoltam porque são escravos.
Podemos também desde já adiantar que o Editorial do Destak desta semana, escrito pela Loirinha Jet Set, terá como tema A Alegria da Luta dos tipos do Jel, sendo que será uma crítica feroz ao apelo dos HdL contra o ressabiamento. O Povo quer-se é ressabiado.

Tilida5ever Design-Rosinha disse...

Eu gosto dos homens da luta...

bagaco amarelo disse...

vitamina c, mais informamos que os Escravos se revoltarão precisamente porque são escravos, pelo menos numa perspectiva filosófica marxista, e portanto materialista, cujo racionalismo indica que apenas quem já não tema nada a perder se revolta. Os Homens da Luta ganharam o festival da canção, portanto tinham qualquer coisa a perder. :)

Tilida5ever Design-Rosinha, eu cá gosto das mulheres que lutam. :)